Porto Femme Sessions 9
2018
28 Fevereiro

//

22:00

//

Entrada Livre
Porto Femme Sessions 9
28 Fevereiro

//

22:00

//

Entrada Livre

Poster

Image
Na última quarta-feira de cada mês, a tela dos Maus Hábitos exibirá ciclos temáticos nos quais o denominador comum é serem filmes realizados por mulheres. O objetivo é dar visibilidade ao trabalho da mulher no cinema, através da projeção das suas obras e, sempre que possível, da sua presença nas sessões, promovendo o encontro entre o público e as autoras.

Com curadoria de Marta Nieto Postigo, diretora da Mostra Internacional de Filmes de Dones - Barcelona, apresentamos dia 28 de Fevereiro um ciclo dedicado a realizadoras espanholas.

Minha pobre pátria | Mi pobre patria
Ficção — 4’ – ANO 2016
Realizador – Laura Ginés

Sinopse
Filme que retrata um concerto de música ao vivo, onde Maria Rodés interpreta a música de Franco Battiato, “Povera Patria”.

Link para trailer: N/A


O desejo de civilização | El deseo de civilización
Ficção – 6’ – ANO 2014
Realizador – Carolina Astudillo

Sinopse
A guerra como uma ficção absurda e absolutamente masculina - bem como a exclusão educacional e profissional das mulheres na sociedade que os educa para servir e ser mães - é repudiada por Virgínia Woolf em Três Guinés.
“O desejo de civilização” é uma peça que se apropria de filmes domésticos filmados na Espanha durante a República, a Guerra Civil e os primeiros anos do Franquismo.
Este filme “caseiro” torna-se numa crónica alternativa às grandes histórias, que revela diferenças sociais e estereótipos de género aprendidos desde a infância, na civilização da força, desprezada por Woolf.


Link para trailer: N/A



Animalização | Animalització
Ficção – 15’ – ANO 2015
Realizador – Zoraida Roselló.

Sinopse
A animalização é uma curta-metragem que surge da controvérsia que sentimos com a presença do monumento de Franco instalado na cidade de Tortosa. Na nossa reflexão, a legitimidade de um processo democrático de pedido de retirada do monumento de Franco claramente diverge com o significado simbólico de remover um monumento com um alto valor artístico. A peça provoca o reflexo do espectador para posicionar um dilema atual que afeta a memória histórica. Recuperando o discurso de abertura do monumento, ouvimos as vozes dos nossos pais e avós. Assim, questionamos sobre o estado atual desta enorme estrutura que permanece impávida no meio do rio que divide Tortosa e oferece um discurso único a ser mencionado. A sua retirada, restauração, desmantelamento, musealização e outras propostas estão em discussão.


Link para trailer: N/A



A mão que trilha | La mano que trina
Experimental – 11’ – ANO 2015
Realizador – María Cañas

Sinopse
A mão que trilha é uma investigação artística experimental sem objetivo de obter qualquer lucro. A sua intenção é paródica, didática e crítica.

Link para trailer: N/A

Image

Maus Hábitos

Rua Passos Manuel 178, 4º

4000-382 Porto

T: 221 124 868 (Restaurante)

T: 937 202 918 (Restaurante)

T: 222 087 268 (Escritório)

F: 222 000 134

geral@maushabitos.com

Terça 12h — 00h

Quarta e Quinta 12h — 02h

Sexta e Sábado 12h — 04h

Domingo 12h — 17h

Fechado à Segunda

ImageImageImageImage

Maus Hábitos © 2016

powered by

Image